Parte 2 (de 5): A dura verdade:

O FACEBOOK DETESTA ANUNCIANTES! 😱

O que sabemos até aqui:
Parte 1 (de 5) - A verdadeira razão pela qual os anúncios de Facebook pararam de funcionar.

1 - A maioria das pessoas não está mais obtendo resultados com anúncios do Facebook (não é só você).

2 - O Facebook usa algumas "malandragens" para manter 90% dos anunciantes sem um resultado satisfatório (você já vai entender porque)

vAMOS VOLTAR NO TEMPO POR UM MOMENTO...

A época de ouro do Facebook foi entre 2014 a 2016…

Naquela época o Facebook Ads era uma verdadeira vaca leiteira! Uma loteria que você não podia perder.


Se você tivesse um vídeo de vendas simplesinho, feito no power point e alguns anúncios meia-boca, poderia lucrar Centenas de Milhares de reais com o Facebook em pouco tempo.



Os titãs do marketing digital ganharam milhões nessa época só usando o Facebook.



Todos nós ficamos encantados com a ideia de ganhar dinheiro rápido escrevendo e-books e tomando sol nas ilhas maldivas…


Mas algo estava acontecendo nos subsolos do Facebook, que nem os titãs perceberam…


Algo que só dá para enxergar agora, fazendo uma retrospectiva.



Eu chamo isso de:

O EFEITO CAÇA-NÍQUEL


Você deve ter notado….


A medida que o Facebook foi se desenvolvendo, ele foi mudando.


☛ Antes as Fanpages tinham 80% de alcance orgânico das postagens… Agora elas não passam de míseros 5%, e olhe lá!



☛ Antes as Fangates funcionavam para capturar e-mails e aumentar a base de fãs da página… Agora elas sumiram sem nem dizer adeus!


☛Antes você tinha acesso a todos os IDs de qualquer pessoa no Facebook, para anunciar pra eles…


Agora você não pode anunciar nem sequer para os membros do seu próprio grupo que você mesmo administra no Facebook!

E por aí vai…


A lista de mudanças negativas que o Facebook vem fazendo é enorme.

Em outras palavras, aquele bichinho fofinho que era o Facebook em 2014, cresceu.
E agora ele quer caçar você!

Por algum motivo bizarro, o Facebook detesta anunciantes! 😳

 

Eu descobri isso a alguns anos atrás, quando li o livro “O Efeito Facebook” que conta a história de como essa rede social nasceu e qual é a filosofia por trás dela.

No terceiro parágrafo da página 52 está escrito assim:


“Maximizar a receita pela venda de anúncios era menos importante para Zuckerberg do que manter os usuários felizes. Ele permitia a publicidade somente em seus próprios termos. Zeckerberg recusava anunciantes que simplesmente não tinham o espírito do estudante. Durante algum tempo ele colocava legendas acima dos anúncios dizendo: “Também não gostamos disso, mas eles pagam as contas.”


O parágrafo termina dizendo “Mark nunca quis anúncios.” 😱


Essa é a filosofia do Facebook desde que ele nasceu até hoje.

Assim que ele descobre que os anunciantes estão fazendo alguma coisa lucrativa, trabalhando direitinho dentro das regras, e conseguindo deixar uma campanha ajustadinha, rodando no automático, e as vendas entrando…


…ele puxa o nosso tapete!


A dura verdade é que o Facebook não quer um bando de anunciantes “mamando em suas tetas”.

#prontofalei


Mas ainda assim, nós não podemos deixar de anunciar com ele. O Facebook é dono também do Instagram e Whatsapp! Definitivamente não podemos ficar fora dessas redes sociais, se queremos clientes.


É como um garoto mimado que te convida para jogar futebol no campo dele, com a bola dele.


Toda vez que você faz um gol, ele muda as regras do jogo, troca o gol de lugar, fura a bola! Ele faz de tudo para dificultar de você fazer gols!


O que você faria para vencer um garoto como esse?

OPÇÃO 1

Soco a cara dele! 🤜

Puxa, você ficou nervoso hein!

Mas tudo bem, eu entendo. O Facebook está mesmo merecendo umas palmadas.

OPÇÃO 2

Surpreendo ele com uma jogada inesperada

Exatamente! 👌

Melhor do que socar a cara dele, é surpreendê-lo com uma jogada que ele não esperava.

Você precisa entender como o jogo dele funciona.
É isso que poucas pessoas sabem...
É isso que eu vou te mostrar na terceira parte...

RESUMO: O que aprendemos aqui

1 - De 2016 pra cá o Facebook está cada vez mais puxando o tapete dos anunciantes (mesmo aqueles que fazem tudo certo).

2 - Por algum motivo bizarro, o Facebook detesta anunciantes! Ele mesmo confessa isso em sua biografia. Mas ainda assim, ele é dono de 3 das maiores redes sociais do mundo (Facebook, Instagram e WhatsApp) e nós precisamos anunciar nelas. A única forma de vencê-lo é surpreendê-lo com uma estratégia inesperada.